sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

6

Boas Festas


“Boas Festas”
(Assis Valente)

Anoiteceu
O sino gemeu
A gente ficou
Feliz a rezar.

Papai Noel
Vê se você tem
A felicidade
Pra você me dar

Eu pensei que todo mundo
Fosse filho de Papai Noel
E assim felicidade
Eu pensei que fosse uma
Brincadeira de papel

Já faz tempo que eu pedi
Mas o meu Papai Noel não vem!
Com certeza já morreu
Ou então felicidade
É brinquedo que não tem!

Clique na imagem para ampliar
Essa é a única canção de natal genuinamente brasileira que conheço, e também a de que mais gosto. A melodia parece mais uma daquelas marchinhas lentas de carnaval. Sua letra reflete com uma beleza melancólica e uma simplicidade comovente o Espírito do Natal entre os que não foram tão bem agraciados pela sorte, numa sociedade que a cada ano que passa se distancia mais e mais do verdadeiro espírito de congraçamento desta festa.

A crítica ao materialismo, ao consumismo do Natal é o aspecto mais fácil de ser percebido. Mas o Papai Noel de “Boas Festas” representa, acima de tudo, a felicidade almejada, ou perdida. É a felicidade de se ter com quem compartilhar - mesmo as coisas mais simples. Amar e se sentir amado, ser importante e ter pessoas importantes na vida. Acima, muito acima da vaidade dos egos. Não se sentir só e vazio ao lado de pessoas em torno de uma mesa opulenta.

“Boas Festas” plasma e ao mesmo tempo sublima os sentimentos atormentados de Assis Valente, este genial compositor brasileiro, numa celebração, numa catarse. E entre exclamações de “Feliz Natal!”, “Boas Festas!” e fartas ceias, poucos prestam atenção à sua mensagem.

O autor da música, que, como todos nós, acalentava sonhos de felicidade, só conseguiu morrer na terceira tentativa de suicídio, num banco da Praia do Russell, na Glória, Rio de Janeiro, em 06 de março de 1958. Ele só tinha 46 anos.

GRANDE E FELIZ NATAL A TODOS OS QUE PARTICIPAM COMIGO AQUI NO BLOG, COM SEUS COMENTÁRIOS, SUGESTÕES E PALAVRAS DE ESTÍMULO !!!!!!!!!!!

Leia mais sobre o grande Assis Valente aqui

6 Comentários:

Jair disse...

Também amo essa canção mas não sabia que era de um brasileiro. Ela me transmite um mixto de sensações que vão da melancolia a legria de poder fazer algo por alguem proximo que precise. Feliz Natal, meu amigo

Tânia Lyrio disse...

Feliz natal Dan.

Ana Karoline Pedroso disse...

Feliz Natal pra ti, tudo de bom neste dia especial, muitas vitorias. Que Jesus e o manto de Maria lhe abençoe sempre.
Bjão

Angela Farias disse...

Feliz Natal Daniel!Adoro o seu Blog.

Anitha disse...

Meu querido amigo, obrigada pela sua visita ao meu blog e também pelos seus bons votos!
Tudo está bem por aqui, estamos confiantes que em 2012 teremos condições de estar melhor ainda!
Desejo a você a toda a sua família um Ano Novo novinho em folha, tanto em propósitos quanto na saúde!
Que a alegria esteja presente todos os dias, e que a harmonia seja constante nas suas vidas!
Abraço muito afetuoso

O SOL do amanhã... disse...

Dani
Não posso terminar 2011 sem deixar aqui registrado meu carinho e admiração por vc.

VOCÊ É O CARA, e eu sou a sortuda AMIGA DO CARA!!!

Feliz 2012...estarei aqui te observando de longe e de perto!!!
Bjos